Alok do True Crime: mais 5 podcasts imperdíveis

Olha só quem apareceu depois de mais de um ano sem dar as caras por aqui!

Confesso que sinto muita falta de postar no blog, mas ao mesmo tempo fico bem desanimada porque… alguém aí ainda lê/acompanha blogs? Parece que o mundo agora só quer saber de Tiktok (e vou dizer, não sou a maior fã do app, sou velha e nem tenho ele baixado). Sou leitora (e velha), por isso amo/sou blogs até hoje e fico bem triste que agora os conteúdos estão cada vez mais focados em vídeos, cada vez mais curtos e que o Instagram (outro lugar que eu gostava de consumir e produzir conteúdo) foi estragado de vez, e a blogosfera, abandonada.

Por conta da saudade de ler e escrever, estou ensaiando — mais uma vez — voltar a produzir conteúdo com frequência para cá, mas preciso de incentivo e de reforço positivo! Sou insegura pra caramba e preciso de aprovação senão acho que está tudo uma bost* e abandono mesmo. Você aí que gosta de blogs e que voltaria a acompanhar o TRS, diz pra gente que as chances de voltarmos a produzir conteúdos constantes de novo são grandes. Mas preciso saber se não estamos aparecendo por aqui à toa.

Enfim, chega de desabafos e enrolação e vamos focar no que fim fazer aqui, haha. Há muito tempo (atrás numa galáxia distante — desculpa), fiz um post indicando alguns dos podcasts de True Crime (clique aqui para ler) que eu acompanhava (e ainda acompanho, diga-se de passagem) e desde então me mandam DMs no Instagram pedindo mais dicas, ou sempre que comento que estou ouvindo algo, aparece alguém querendo saber mais sobre o assunto. Por isso, separei mais alguns podcasts sobre True Crime (cinco dos meus favoritos), q ue super valem a pena acompanhar. Ah, todos são brasileiros!

Vamos lá?

Atualmente esse é o meu favorito sobre crimes gringos. A Tatiana Daignault, apresentadora, faz uma pesquisa sensacional e em todos os episódios, mesmos os que abordam alguns casos considerados batidos, existem detalhes que eu ainda não havia tido contato em produções brasileiras de True Crime. Além disso, ela também traz casos menos conhecidos, de novo, tudo com pesquisas detalhadas e narrados de forma envolvente.

Fico esperando ansiosamente as quartas-feiras, quando tem episódio novo!

Até agora foi o único que eu vi que fala estritamente de crimes brasileiros! A apresentadora, Sté Zorub, também arrasa nas pesquisas e é uma narradora superdivertida, o que dá uma aliviada nas temáticas pesadas. Existe cada coisa cabulosa que aconteceu por aqui, mas que nunca nem tinha ouvido falar que olha… vale muito a pena acompanhar (especialmente os casos históricos): seja de serial killers desconhecidos (ou pouco conhecidos), crimes sem solução, assaltos a museus, crimes que aconteceram em cidades/bairros, mas que não pararam na grande mídia e por aí vai.

Mais um podcast da lista que me deixa ansiando pelas quartas.

A Mari e a Rob  são super fofinhas e também trazem casos diferentes e pesquisas bem legais. Elas não têm o foco em um único tipo de caso, abordam gringos e brasileiros e contam as histórias de forma clara e com uma dinâmica bem espontânea que dá a sensação de estarmos batendo um papo: geralmente uma das duas conta o caso, enquanto a outra faz comentários ou traz descrições/detalhes que complementam perfeitamente o que está sendo contado.

Os episódios novos vão ao ar duas vezes ao mês, todo dia 1º e 15.

Os episódios são um pouco mais curtos dos outros que aparecem nesta lista, duram em torno de meia hora (mas isso não significa que seja ruim, porque a Betina Broch traz os detalhes mais importantes e vai direto ao ponto) e são separados em temporadas/temas. Ela fecha cada episódio dando opinião sobre o caso abordado, dando a sensação de uma conversa, inclusive porque ela pergunta nossa opinião, que pode ser dada por meio de grupos secretos para quem ajuda a patrocinar o conteúdo.

Mais um podcast que tem episódios novos às quartas, haha.

Talvez um dos assuntos mais comentados pelos fãs (palavra estranha) de True Crime desde que a série saiu na GloboPlay. O podcast, no entanto, é muito mais detalhado e se você gosta de saber dos mínimos detalhes, simplesmente vai amar esse podcast, que já tem todos os episódios no ar.

O trabalho do Ivan Mizanzuk rendeu não apenas uma série documental, como falei ali em cima, como também um livro que mal posso esperar para ler! Sério, é um dos casos mais surreais que já ouvi, talvez perdendo só para o do João de Deus em relação às reviravoltas e revelações. Dito isso, só queria comentar aqui que o ser-humano pode ser assustadoramente podre.

Citando a Carol Moreira no FAQ #9 do Modus Operandi (outro podcast que citei no primeiro post sobre o assunto hehe), o Ivan simplesmente abriu o caminho para que as pessoas vissem os absurdos que aconteceram com os 7 acusados e provou a inocência deles quando ainda existiam pessoas que acreditavam que eles eram os culpados. Inclusive, meu primeiro contato com o caso pré-Projetos Humanos, eram em vídeos e matérias que afirmavam que os 7 inocentes haviam matado o menino Evandro para realizar um ritual de magia, seguindo o sensacionalismo dos anos 90 e chamando de “As Bruxas de Guaratuba”.

Vale a pena assistir o documentário na GloboPlay, bem como ouvir o podcast. Os dois se complementam perfeitamente, sendo que o podcast tem muito mais detalhes e é bem mais longo.

Bônus:

O É Você Satanás? não fala apenas de True Crime, por isso entrou aqui como bônus. Ele aborda temas como lendas, curiosidades, histórias sobrenaturais, fatos históricos macabros, causos sobrenaturais dos ouvintes e por aí vai. Tudo é narrado de maneira leve e divertida e eu morro de dar risada da Lívia e da Verônica, fora que elas trazem diversos assuntos interessantes, bem pesquisados e uma dinâmica bem despojada e natural. Aquele clima gostoso de conversa entre amigos!

Tem episódio novo do podcast todas as quintas.

Acho que deu para notar que às quartas eu não uso rosa, mas sim ouço podcasts de True Crime (*ba-dum-tss*) e que curto conteúdos com pesquisas ricas em detalhes e narrativa dinâmica, não é mesmo? Lembrando que, além de tudo isso, todos esses podcasts contam com respeito às vítimas e familiares, além de não glorificarem os criminosos, algo que acho bem importante quando consumo um conteúdo relacionado a True Crime.

Mas e você, me conta, gosta de ouvir podcasts? E de conteúdo sobre True Crime? Aceito indicações!

3 comentários em “Alok do True Crime: mais 5 podcasts imperdíveis

  1. Flavia, muito feliz de você ter voltado! Acompanho o blog de vocês desde a época do Psycho Reader e, sempre que eu chego aqui e vejo um post novo, meu coração fica quentinho e meu dia melhor! Sinto uma falta enorme de blogs e de poder ler o conteúdo ao invés de assistir. Se precisarem de incentivo, estou disposta a ser a cheerleader oficial de vocês e aparecer aqui em todo post! ahahaha

    Sobre os podcasts, entrei nessa vida na quarentena e nada mais me tira daqui! Tava à procura de um bom de True Crime que falasse sobre crimes brasileiro e já fui correndo pesquisar os que você indicou. Amei!

    Curtir

    1. Oii Vi! Nossa, eu quem fiquei MUITO FELIZ com seu comentário, de verdade! Isso super dá um up para voltar a escrever, tudo que eu e Renata precisamos para dar um gás por aqui, haha. Obrigada!! ❤
      E aaaa, amei que as dicas apareceram na hora certa, especialmente porque sei como é esse vício! Logo menos volto com mais dicas porque descobri mais podcasts muuuito massas por aí, haha.
      Beijão

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s