Resenha

Resenha: Exquisite Captive, Heather Demetrios

EXQUISITEHEADER

SINOPSE2

18106985

Forçada a obedecer seu mestre.
Comprometida a ajudar seu inimigo.
Determinada a conseguir sua liberdade.

Nalia é uma jinni muito poderosa, a única sobrevivente de um golpe que matou quase todos que ela amava. Aprisionada em uma garrafa e vendida por um comerciante de escravos, ela está agora escondida na Caravana, o lucrativo comércio de escravos jinni entre Arjinna e a Terra, onde os gênios são obrigados a conceder desejos e obedecer todos os comandos de seus mestres humanos. Ela daria quase qualquer coisa para estar livre dos braceletes dourados que a amarram a Malek, seu mestre bonito e cruel e seu luxuoso estilo de vida de Hollywood.

Conheça Raif, o enigmático líder da revolução de Arjinna e o inimigo jurado de Nalia. Ele promete libertar Nalia de seu mestre para que ela possa voltar para sua terra devastada e libertar seu irmão preso – tudo por um preço muito alto. Nalia não está segura se pode confiar nele, mas Raif é a sua única esperança de fuga. Com seus inimigos a sua procura, a Terra tornou-se mais perigosa do que nunca para Nalia. Há apenas um problema: para a magia de Raif funcionar, Nalia deve ganhar a posse de sua garrafa… e convencer o persuasivo Malek de que ela realmente o ama.

OQUEEUACHEI2

Adorei The Forbidden Wish da Jessica Khoury e lógico que assim que terminei a leitura busquei por outros plots semelhantes. Porque é bem isso que faço quando adoro muito algum livro haha Caso você esteja se perguntando se eles se parecem muito, a resposta é não. O que tem em comum entre eles são os gênios e suas lâmpadas apenas.

Nalia é de uma casta de gênios super poderosos e após o estouro da revolução em Arjinna ela acaba fugindo para a Terra. O problema é que ela foi contrabandeada como escrava e é obrigada a servir o seu mestre, Malek. Os dois mantém uma relação estranha, para ser bem sincera. Aos poucos descobrimos quem é o Malek e qual o propósito dele, mas é difícil aceitar certas atitudes da Nalia para conseguir o que quer.

tumblr_otcupnwjzl1vg9h99o1_540

A relação dos dois é péssima, especialmente pela revolta da protagonista que não aceita ser mantida como um simples gênio. A Nalia sofre diversos tipos de abuso, ficando presa em sua garrafa por vários meses para “aprender a se comportar”. Essa é uma questão interessante que o livro aborda. Normalmente já conhecemos os gênios “domesticados”, mas a Nalia não é um desses. Ela se vinga do Malek indiretamente e das melhores formas.

Um detalhe que me chamou a atenção é o fato de Exquisite Captive acontecer no mundo real e nos dias de hoje ❤ Geralmente em livros de fantasia as histórias são construídas em realidades fictícias.

Outro ponto legal de destacar é a presença do Raif (chatinho) e porque ele contatou a Nalia depois de tantos anos. Os dois eram considerados inimigos em Arjinna, mas se tornam aliados na Terra por um motivo maior. Esse motivo é o plot central da história que é bem costuradinho e muito interessante. Arjinna está sendo destruída por uma casta de gênios (os mesmos que começaram a tal revolução que mandou a Nalia para a Terra) e o Raif quer salvar e recuperar o mundo deles. E quem melhor para ajudá-lo do que a jinni mais poderosa de todas?

tumblr_ot7gki1xxp1qzyoxwo1_540

NOTA2

MUITOBOM2

CONSIDERACOES2

Adorei Exquisite Captive. Gostei muito como a autora criou a história da Nalia. O background da protagonista é super pesado, apesar de vir de uma família tão poderosa. A forma como ela foi criada acabou fortalecendo a personagem para suportar a vida na Terra como “escrava” do Malek. A relação dela com o mestre também é bem pensada, porque apesar do status de inferior e submissa, a Nalia tem uma vida de luxo. O único traço da protagonista que me incomoda é a revolta dela com certas coisas que não fazem muito sentido.

O romance é outro ponto que me fez rolar os olhos. Notei que a autora tentou criar um triângulo amoroso no estilo Sombra e Ossos da Leigh Bardugo, mas falhou na hora de construir a parte vilã da história. Inclusive acho que o “vilão” é muito mais interessante do que o par romântico da Nalia. Queria dizer também que não gosto dele de forma alguma haha Péssima escolha Heather.

tumblr_ooxsbkyrfk1u5i578o4_r1_540

A guerra em Arjinna e os motivos da Nalia para conseguir sua liberdade a qualquer preço é bem construído e explorado. Espero muito que a autora não se perca nos detalhes nos próximos livros. O último fato que eu gostaria de destacar aqui é sobre a fluidez da leitura. Tudo acontece bem lentamente, mas provavelmente isso acontece por ser um livro introdutório mais do que qualquer outra coisa.
RECOMENDO2Esse livro é perfeito para quem gosta de Aladdin e Mil e Uma Noites. Exquisite Captive é uma fantasia muito bem escrita, um prato cheio se você prefere livros um pouco mais lentos, porém bem costurados.

O romance é típico YA das antigas, então se você é fã de amores proibidos com certeza vai se interessar pelo relacionamento criado pela Heather Demetrios.

Renata2

Um comentário em “Resenha: Exquisite Captive, Heather Demetrios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s