Resenha

Resenha: A Million Junes, Emily Henry

AMJ
SINOPSE2

30763950

Desde Jack “June” O’Donnell nasceu a única regra de seus pais era: fique longe da família Angert. Mas quando June colide – literalmente – com Saul Angert, faíscas nascem, e tudo que June conhece é questionado.

Quem exatamente é esse menino grosseiro, sarcástico, mas aparentemente inofensivo, que retornou à sua cidade natal depois de ter desaparecido misteriosamente por três anos? E por que June – uma O’Donnell – nunca questionou o profundo ódio de seu falecido pai à família Angert? Afinal, os O’Donnells e os Angerts podem ter um legado, mas nenhuma explicação ou motivo aparente por trás de tudo isso.

À medida que a conexão de Saul e June cresce, eles acham que a magia, os fantasmas e os coiotes de Five Fingers parecem conspirar para revelar a verdade sobre a angústia que atormentou suas linhagens por gerações. Agora, June deve questionar tudo o que ela sabe sobre sua família e o pai que ela adorava, e ela deve decidir se é finalmente a hora para ela – e todos os O’Donnell antes dela – dar um fim para essa história.

OQUEEUACHEI2Sabe aqueles livros que transportam o leitor para uma realidade completamente diferente e mágica? A Million Junes da Emily Henry é assim.

Comecei o livro com uma expectativa super baixa, mas provavelmente é culpa da minha ressaca literária haha E no primeiro capítulo já me senti parte da vida da June. A personagem e a melhor amiga dela, Hannah, são maravilhosas! Gostei muito do relacionamento das duas. A cumplicidade entre elas é incrível! Fico feliz quando os autores criam personagens que apesar de todos os problemas continuam sempre juntas. ❤

23108525

Os elementos mágicos da história são super bem trabalhados. A atmosfera da cidade leva o leitor a acreditar que tudo o que está acontecendo é possível e o fato de todas as pessoas próximas da June saberem da história dela e acreditarem faz tudo parecer ainda mais real.

O livro é vendido como uma versão moderna de Romeu e Julieta, mas o único elemento real ali que foi inspirado é o amor proibido entre a June e o Saul. E eu preciso muito comentar aqui que eu adorei ele! O Saul é mais velho que a June uns dois ou três anos. Ele está na faculdade, mas volta para casa depois que o pai dele fica doente. Os dois já se conheciam quando crianças, mas se conectam pela escrita.

tumblr_oroa2cplhk1uf22a3o1_500

NOTA2MUITOBOM2CONSIDERACOES2

O único livro de realismo mágico que li não gostei muito, mas esse mudou completamente a minha visão.

19627151

Adorei os personagens. O Saul é incrível, a June é maravilhosa e os amigos deles são super divertidos.

O fato da escrita ter ligado de fato os personagens principais foi outro elemento que eu adorei. E o mistério cercando as duas famílias e os motivos da rivalidade entre eles foi tão bem explicado e elaborado ao longo da história que deixou o final ainda mais bacana. RECOMENDO2Se você gosta de romance contemporâneo e realismo mágico deve dar uma chance para A Million Junes. ❤
Renata2

Um comentário em “Resenha: A Million Junes, Emily Henry

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s