Aleatoriedades

Como eu me organizo (parte 2)

Enfim chegamos à segunda parte da série de posts onde conto um pouquinho sobre como me organizo (para ler a primeira, é só clicar aqui). Espero que tenham gostado da primeira e que gostem dessa também. ❤

Como falei no post anterior, eu sempre preciso anotar tudo a mão, então basicamente faço tudo dessa forma e em cadernos específicos (ou pelo menos tento porque eu sou a louca dos cadernos e isso pode acabar me prejudicando um pouco, já que às vezes eu os compro de forma compulsiva e quase nunca consigo acabar de usar um, haha) para não me confundir no meio de tanta anotação, afinal, eu registro praticamente tudo assim.

Mas enfim, separei esse post em 3 partes. A primeira, vou falar como faço com (alguns) posts do blog; na segunda, sobre a faculdade; e na terceira sobre escrita num geral! ❤

Blog

* Cadernos rosa: esse é meu caderno para anotar praticamente tudo que me vêm à cabeça, desde sonhos e/ou ideias e plots para uma nova história (para tudo relacionado a Draps — desde pesquisas até ideias aleatórias do que podem acontecer — tenho um caderno só para ela, mas não vou mostrar por motivos de: spoilers, hehe). Normalmente é lá que nascem os posts aleatórios daqui do TRS, aqueles que não são os fixos (resenhas e dicas) e que eu preciso colocar ideias no papel ou até pesquisar, os primeiros rascunhos deles eu sempre faço à mão.

* Planner. Como falei no post anterior, eu costumo anotar todos os posts fixos mensais no meu planner. Desse jeito, quando uma semana começa, eu já sei se vai ser a minha semana de escrever dica ou não, ou se é o momento de escrever algum dos meus posts mensais.

* Caderno preto: é o meu diário de leituras. Ele não foi criado exatamente para o blog, mas no final me ajuda muito na hora das resenhas. Como leio muitos livros por ano, às vezes acabo esquecendo alguns detalhes e nomes de personagens e por isso, posso acabar me perdendo caso decida fazer uma resenha algum tempo depois de ter lido o livro ou então se pego a continuação dele. O que exatamente anoto nesse caderno?
– nome de personagens;
– questões importantes do plot;
– data de leitura e nota;
– o que vou achando do livro conforme faço a leitura (e isso é uma salvação na hora de colocar os pensamentos em ordem para fazer a resenha, hehe);
– lista de livros que quero resenhar;
– lista de livros lidos no mês.

Faculdade/Pessoal

* Para as minhas atividades pessoais e da faculdade, eu uso um calendário de parede e claro, o planner. No calendário eu anoto apenas as datas mais importantes do mês, sem entrar muito em detalhes (mais ou menos como o calendário mensal do próprio planner), é só uma forma de poder olhar meus compromissos mais rapidamente. Meu calendário, se alguém quiser uma dica de um maravilhoso é o do Blog do Math!

* Também tentei usar o planejador diário da Meg & Meg, mas não me adaptei muito bem. Talvez para um momento em que tenha muito mais coisas para fazer, tipo no fim do semestre, haha. Mas meu problema é que organizar em manhã tarde e noite, foi algo que realmente me atrapalhou um pouco.

Escrever/revisar

Como falei ali em cima, não vou mostrar fotos do meu caderno de Draps por conter spoilers do plot, não só do livro que vai ser lançado, como também das continuações, afinal eu anoto tudo nele. Mas afinal, o que é tudo? Vamos listar, haha.
* Pesquisas sobre o que vou usar na construção não só de enredo, como também de personagens;
* Ideias gerais para o plot e também algumas cenas que podem ou não entrar nas versões finais;
* Basicamente tudo que tenho de ideia, eu anoto nesse caderno e depois passo para o computador quando necessário encaixar no que estou escrevendo.

O lado bom escrever à mão é que dessa forma eu posso anotar qualquer ideia ou pensamento em relação à história para decidir onde ou até se vai se encaixar no livro, porque muitas dessas anotações eu descubro que é importante para eu descobrir aonde quero ir ou até mesmo conhecer meus personagens melhor. Me ajuda muito a descobrir mais o que a minha cabeça está criando, se é que faz algum sentido, haha.

Na revisão, eu anoto minhas metas no planner. No caso, quando estava revisando minha meta era 30 páginas por dia. Às vezes eu fazia menos, outras (raras) mais. Então, eu sempre anotava quantas páginas eu tinha feito também.

Eu não tenho como dar dicas de organizar a escrita crua porque eu ainda não escrevi nada planejado (que é algo que muita gente também me pede). O primeiro rascunho de Draps ficou pronto entre dois e quatro meses porque era uma época que as ideias estavam fluindo muito. A continuação dele, apesar de começada, está parada por dois motivos, o primeiro é que eu foquei muito na revisão de Draps (antes de mandar para a editora, eu já tinha reescrito praticamente tudo) e segundo aquele famoso e terrível, bloqueio. Assim que Draps estiver prontinho para impressão eu pretendo voltar a escrever e tentar terminar tudo. Então, se vocês quiserem dêem um grito por aqui ou Instagram ou Twitter que eu divido com vocês um diário de escrita ou como me organizo para fazê-lo! ❤

E é assim que me organizo no dia-a-dia ou para cada um dos fatores mais importantes da minha rotina! Espero que tenham gostado do post e quem sabe, ajudado um pouco!

2 comentários em “Como eu me organizo (parte 2)

    1. Anotações à mão sempre acabam salvando no fim das contas e não vou negar adoro a sensação de escrever assim (menos quando escrevo demais e aí a mão dói, haha). Eu nunca consegui me acostumar com o evernote, sou total oldschool e preciso fazer tudo à mão mesmo haha Senão me perco nos arquivos, ou pior: deleto sem querer! hahahaha
      Beijos!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s