Marissa Meyer · Nível de inglês Intermediário · Resenha

Resenha: Heartless, Marissa Meyer

unnamed-1

SINOPSE

Catherine pode até ser uma das meninas mais desejadas no País das Maravilhas e a favorita do rei solteiro, mas não é um casamento que lhe interessa. Uma talentosa cozinheira, ela quer abrir uma confeitaria e criar deliciosos bolos. Mas para a mãe dela, um objetivo desses para uma mulher que poderia ser um rainha é inconcebível.
Durante um baile real no qual espera-se que Cath aceite a proposta de casamento do rei, ela conhece o misterioso e belo Jest. Pela primeira vez, Cath sente uma verdadeira atração. Correndo o risco de ofender o rei e enfurecer seus pais, ela e Jest começam um cortejo secreto.
Cath está determinada a escolher seu próprio destino, mas em um local onde a magia, loucura e monstros prosperam, o destino tem outros planos.

Skoob | Goodreads

OQUEEUACHEI

Eu já começo dizendo que Heartless me destruiu. Mas foi aquela coisa, doeu, eu sofri, mas valeu a pena. Valeu muito, haha. A verdade é que eu durante a leitura, esqueci que estava com uma origem de um vilão em mãos e tudo que eu digo pra vocês é: não façam isso. Não vou entrar em detalhes por motivos de spoilers, mas quando eu vi as gringas lendo e falando que sofreram com o livro, eu não levei a sério a vez anterior que algo do tipo aconteceu foi com Lady Midnight e eu esperava que alguém fosse morrer pelo sofrimento delas, mas nope, era só com o romance mesmo. Então peguei esse livro esperando algo do tipo. Isso se resume em: sabe de nada, inocente. Haha

Mas tirando toda a sofrência — que deveria ser esperada —, Marissa Meyer conseguiu de novo e com isso, eu posso afirmar que ela é a rainha dos retellings e da construção de vilões. Acho que quem acompanha o blog sabe que sou bem fã dela e acima de tudo, da criação da Levana, a vilã das Crônicas Lunares. Pois é, dessa vez ela optou por seguir um caminho diferente, mas tão bom quanto.

Em especial porque, diferente da Levana, ela faz a gente gostar e torcer pela Cath desde o primeiro segundo. E até as últimas páginas do livro, a gente torce pra que tudo seja um mal entendido e que alguma reviravolta aconteça. Mas não, é a história da Rainha de Copas e a gente não pode fazer nada para impedir isso, inclusive é basicamente a “conversa” que temos o livro todo: como impedir algo que o destino já decidiu que vai acontecer?

O tamanho de Heartless pode assustar, mas as mais de 400 páginas passam voando porque Meyer tem uma escrita que prende desde o primeiro segundo, além de personagens interessantes, assim como a leitura da autora do País das Maravilhas. Todos os elementos criados por Lewis Carrol estão presentes, personagens e referências tanto à Alice nos País das Maravilhas quanto no Através do Espelho e até poemas do autor que podem passar desapercebidos durante a leitura. Por isso, sem falar muito, eu recomendo a leitura do Jabberwocky (clique para ler em português ou inglês), mas não vou dar muitos detalhes porque de novo, não quero dar spoilers.

Além da Cath, outros personagens nos cativam desde os primeiros momentos, entre eles o Jest. Eu me apaixonei perdidamente por ele. Para mim, ele me lembrou bastante o Thorne das Crônicas Lunares, mas um tanto mais doce, se é que isso faz algum sentido, haha. Se a Cath foi minha personagem favorita nesse livro (porque às vezes eu tenho essa tendência de gostar mais dos personagens coadjuvantes do que dos narradores), o Jest de longe foi meu segundo favorito.

Fora que, temos nesse livro a origem de outros personagens que conhecemos nos trabalhos de Lewis Carrol, o que também é muito interessante. Como eu falei ali em cima, Marissa Meyer sabe como construir um retelling e pegando todos os pontos importantes do original. Fora que, nesse livro, diferente das Crônicas Lunares, ela se apegou bem mais à obra de Lewis do que na série anterior — o que não necessariamente não torna um ou outro livro pior, apenas são abordagens diferentes.

NOTACOISALINDA

CONSIDERACOESFINAISAlém de todo romance e toda fantasia, Heartless também discute algo muito atual: o papel da mulher em uma sociedade patriarcal e machista. Cath quer abrir uma confeitaria e não pode fazê-lo apenas por ser uma jovem mulher e de origem nobre, com isso a obrigação dela é apenas conseguir um bom marido. Embora os tempos atuais as coisas mudaram, o papel da mulher na sociedade é ainda inferiorizado e essa discussão em um mundo de fantasia é tão real que chega a doer e fez com que eu amasse ainda mais essa autora.

Em suma, Heartless é um livro que vai tocar quem lê, tem personagens cativantes e um enredo que prende do começo ao fim, além de uma narrativa confortável de ler. Eu realmente queria encontrar fatores negativos para apontar, mas mesmo depois de quase um mês que terminei a leitura, eu não consigo encontrá-los. Apenas que eu preferia um final diferente, mas daí não seria coerente com a história que a autora criou, haha.

RECOMENDOSe você gosta de Alice No País das Maravilhas, leia esse livro! Se não, mas gosta da Marissa Meyer, eu também recomendo a leitura. Porque eu sou apaixonada por Heartless e nunca gostei muito das obras do Lewis, mas por esse livro, eu sou apaixonada! Ele ainda não foi traduzido (e não encontrei se isso vai acontecer logo ou nope), mas o inglês dele varia entre o intermediário e o básico, ou seja, não recomendaria para ser a primeira leitura de inglês de alguém!

Vocês já leram ou têm interesse em ler Heartless? Se sim, também gostou do livro ou não? Conta pra mim nos comentários que vou adorar saber! E se você não gostou do livro ou encontrou defeitos e quer falar sobre eles, por favor me mande um email (thereadingseason@gmail.com) me contando eles e quem sabe não role um post discussão do livro num futuro? ❤

ASSINATURAFLAVIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s